quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Resenha Literária: Os Mensageiros

Nenhum comentário

OS MENSAGEIROS
FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER
EMMANUEL

DITADO POR ANDRÉ LUIZ
ISBN: 9788573283112
Páginas: 328
Lançamento: 1944
Preço: R$14,25 (Kindle)
Editora: Federação Espírita Brasileira;
Pontuação: ( 3/5 )
"Este livro revela que a morte física descortina a vida espiritual em contínua evolução. Em cinqüenta e um capítulos relata as experiências de vários espíritos que reencarnaram com trabalhos programados, necessários aos seus próprios aprimoramentos. Trata ainda de temas como: culto do Evangelho no lar, os benefícios da prática do bem, invigilância e medo da morte. O autor espiritual evidencia a oportunidade de trabalho dos médiuns, alertando-os quanto à necessidade da prática dos ensinamentos na esfera íntima, a fim de se evitar o retorno ao Plano Espiritual sem o cumprimento dos compromissos assumidos.” 

Diferentemente de Nosso Lar, Os Mensageiros não é tão popular, mesmo entre pessoas da Doutrina. Sempre me perguntei o motivo, e nunca fez muito sentido para mim que outras obras, da mesma coleção, fizessem mais sucesso que este, que é o segundo, logo depois do Nosso Lar, na cronologia de André Luiz. A resposta veio logo que cheguei na primeira dúzia de páginas do livro. A narrativa é bem menos cativa que a de Nosso Lar e, desse modo, anda num passo mais lento. Claro que isso não significa que o livro seja menos instrutivo, em questão de doutrina, muito pelo contrário, mas torna a apreensão do conteúdo mais trabalhosa.

A respeito da história, André Luiz, dessa vez, é levado a conhecer o Ministério das Comunicações em Nosso Lar, e por lá conhece Vicente, que o acompanhará ao longo de toda história, e Aniceto, responsável pela instrução espiritual ao longo do livro. Os personagens saem de Nosso Lar para conhecer melhor outras esferas do mundo espiritual, cruzando regiões umbralinas e, inclusive, sobre a crosta terrestre. São apresentadas e estudadas diversas situações de nosso próprio cotidiano (como encarnados) como a realização do Evangelho no Lar ou no processo de desencarne de algum parente próximo.

"Sentou-se à ponta da mesa e, depois de pensar um pouco, pediu a Neli, de nove anos, que fizesse a oração inicial, pedindo a Jesus o esclarecimento espiritual. Todos os trabalhadores espirituais sentaram-se, em respeito. Isidoro e alguns outros companheiros mais ligados ao casal ficaram ao lado de D. Isabel, sendo quase vistos e ouvidos por ela

Antes que eu perguntasse, Aniceto explicou, em voz quase imperceptível:

 - Aquele é o nosso irmão Fábio Aleto, que vai dar a explicação espiritual do texto lido. Aqueles que estiverem no mesmo grau dele poderão ouvir seus pensamentos, mas os que estiverem em posição inferior, receberão as explicações como os encarnados, isto é, pelas palavras de Isabel. " Passagem a respeito do Evangelho no Lar


Como já disse, o conteúdo doutrinário desse livro é muito mais denso, e de certo modo mais instrutivo, que Nosso Lar. Então cada capítulo demanda certa disciplina do leitor de parar e refletir a cerca do que é comentado. Assim, ler antes de dormir não é sempre uma boa ideia, principalmente se você é como eu e praticamente desmaia quando deita a cabeça no travesseiro. Hahaha

Mas vale a leitura, principalmente se você é curioso com essas questões da vida no plano espiritual. São 51 capítulos, com lições diferentes, de aproximadamente 4 a 7 páginas cada. Pessoalmente, minha parte favorita foi mais ao final, quando eles chegam na Crosta Terrestre e começam a narrar situações que podemos perceber no nosso cotidiano. Foi daí em diante que a leitura começou a caminhar com fluidez de verdade.


Nenhum comentário :

Postar um comentário